⛰ CARTA DE MURIAÉ | Por outro desenvolvimento

Dezenas de movimentos e organizações (incluindo a ALIANÇA) lançaram, na última quinta-feira (15), a “Carta de Muriaé” (aqui anexada).

O documento denuncia o modelo predatório de exploração mineral, e defende o direito das comunidades de dizer não à exploração de seus territórios.

A carta é produto das discussões dos quatro dias do Seminário Nacional “Diferentes Formas de Dizer Não: experiências de proibição, resistência e restrição à mineração”, realizado na cidade mineira de Muriaé.

Uma equipe da Aliança esteve presente neste encontro, onde pudemos relatar nossa experiência de resistência à expansão da mineração de granito, e nosso sonho por um desenvolvimento sustentável em Caldas, buscando a garantia de uma vida digna e de recursos naturais preservados para as futuras gerações.

Que possamos garantir vida, água, flora e fauna para os futuros caldenses!

Posted by Aliança em Prol da APA da Pedra Branca on Monday, August 19, 2019